Governo peruano restringe acesso a Machu Picchu

O acesso a Machu Picchu será restrito por duas semanas.

Segundo o governo do Peru, os passeios pelos templos do Sol e do Condor e pela pedra de Intihuatana serão controlados e os visitantes terão apenas três horas para visitar esses lugares.

“As medidas são necessárias para conservar Machu Picchu, dada a evidência da deterioração nas superfícies das pedras causadas por visitantes destas três áreas”, afirmou o Ministério da Cultura peruano.

Depois dessas duas semanas de teste, autoridades avaliarão uma restrição permanente a partir de 1º de junho.

O "poder paralelo" em Brasília. Ele vencerá? SAIBA MAIS AQUI

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. MarcosArq disse:

    Será que já fizeram o escaneamento 3D com alta resolução pra visitas virtuais? Melhor que a do googlemaps, claro....

Ler comentários
  1. marcelo disse:

    Basta estudar sobre nosso passado, quem somos e de onde viemos para chegar a certas conclusões, infelizmente vivemos tempos nebulosos, certas coisas não são do homem...

  2. Leitor disse:

    Se ninguém poderá visitar, por que presrvar?

    1. Apenas três áreas teram acesso restrito por apenas duas semanas. Você sabe ler?