Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A 'mídia aliada' do bolsonarismo

A mídia aliada do bolsonarismo
Brasilia 27/05/2020 - Foto: Adriano Machado/CRUSOE Policia Federal faz busca na casa do apoiador e jornalista Allan dos Santos no Lago Sul,

O bolsonarismo, assim como o lulismo, tentou comprar a imprensa.

Mensagens capturadas pela PF no inquérito do STF revelam a rede chapa-branca que o presidente bananeiro pretendia criar.

O Globo reproduziu algumas conversas de WhatsApp entre o chefe da Secom, Fabio Wajngarten, e o analfabeto preferido do regime, Allan dos Santos.

Numa delas, eles bombardearam o general Santos Cruz, acusado de não ter liberado dinheiro da Caixa para Band e RedeTV:

Fabio Wajngarten: “Os aliados estão furiosos. General sentou em cima e não paga nenhuma nota passada. Provocando iminentes tumores”.

Allan dos Santos: “Desnecessário”.

Fabio Wajngarten: “Totalmente desnecessário”.

Allan dos Santos: “É preciso trazer esses caras pra perto, não afastá-los”.

Fabio Wajngarten: “Na hora convidei-os. Ninguém está vendo. Uma barbaridade. Mídia aliada”.

Allan dos Santos: “Excelente”.

Eduardo Bolsonaro também participou das conversas. Allan dos Santos enviou-lhe a seguinte mensagem, tentando emplacar uma indicada na Secretaria de Radiodifusão:

“Precisamos da Secom para implementar uma ação que desenhamos aqui. Seu pai disse que sim”.

O filho do presidente, em sua resposta, citou Douglas Tavolaro, responsável pela CNN:

“O Douglas diz que a linha será da Record, que o que vem dos EUA é só o nome CNN”.

Repetindo pela milionésima vez: O Antagonista nunca aceitou e nunca vai aceitar propaganda estatal, de nenhum governo e de nenhuma empresa pública, e isso dá ao nosso site uma liberdade inigualável.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO