Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A renúncia de Bolsonaro

A renúncia de Bolsonaro
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Os caciques do Centrão, segundo a Folha de S. Paulo, discutem a possibilidade de Jair Bolsonaro renunciar à sua candidatura em 2022.

“O presidente escolheria outro candidato para apoiar, escapando de uma derrota fragorosa nas urnas. Bolsonaro, em troca, tentaria garantir apoio para se defender de processos na Justiça contra ele e os filhos”.

Esse golpe já foi dado por Lula em 2005. Encurralado pelo mensalão, ele espalhou que, para escapar da cadeia, aceitaria desistir de sua candidatura. Em vez disso, montou o petrolão e elegeu-se novamente em 2006, com uma montanha de dinheiro de propina.

Jair Bolsonaro não vai renunciar. Ele vai perder em 2022 e, em seguida, negociar um acordo com o próprio Lula.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO