Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Acorde, Doria

Acorde, Doria
Reprodução

“Se o centro tiver três, quatro, cinco candidaturas, não conte comigo”, disse Luiz Henrique Mandetta, em entrevista para El País.

Ele disse também:

“Eu converso muito com o Ciro Gomes, com o pessoal do PSDB — governador Eduardo Leite, senador Tasso Jereissati,  o presidente do partido Bruno Araújo, governador João Doria, Arthur Virgílio… Falo com o João Amoêdo, com o Sergio Moro, com o general e ex-ministro Santos Cruz, com o pessoal do Republicanos, do PV, com o PSB. Enfim, de A à Z. Eu quero fazer parte desse projeto. Se for consenso para não fragmentar.”

O recado é direcionado a João Doria, que insiste em arrastar o PSDB para mais uma derrota humilhante. Luiz Henrique Mandetta não pode falar sobre o assunto publicamente, mas a única candidatura que fragmenta o terceiro bloco é a do governador de São Paulo. Ciro Gomes não conta: ele tira mais votos da esquerda do que do centro.

Acorde, João Doria.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO