Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

As ruas de Ciro

Ciro Gomes, depois de ser agredido por lulistas, repudiou a 'fúria dos radicais', dizendo que 'as ruas não têm dono'
As ruas de Ciro
Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Vaiado, xingado e agredido pelos pelegos lulistas, Ciro Gomes foi o único candidato que saiu ganhando com os protestos deste sábado.

Em vídeo publicado nas redes sociais, ontem à noite, ele disse que foi às ruas “sabendo, de antemão, que poderia enfrentar a fúria e a deselegância de alguns radicais. Os radicais, seja da esquerda, seja da direita, nunca me intimidaram. E nunca me intimidarão (…).

As ruas não têm dono. E a democracia não tem senhores. Esta luta está apenas no começo e ela será mais rapidamente vitoriosa quando todos aprenderem quem é o verdadeiro inimigo e quem é o verdadeiro alvo. Para defender a democracia, voltarei às ruas tantas vezes seja necessário e ao lado dos que queiram sinceramente se livrar de vez de Bolsonaro e de todo atraso que ele representa.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO