Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

O bolsonarismo é uma hérnia

O bolsonarismo é uma hérnia
Foto: Edu Andrade/Ascom/ME

O economista-chefe da XP, Caio Megale, passou pelo governo e entendeu antes dos outros o desastre bolsonarista.

Ele disse para O Globo, a propósito da manobra fura-teto destinada a bombar o Bolsa Esmola e comprar uns votos para o sociopata:

“É a sinalização de que estamos rompendo as regras fiscais num momento em que elas deveriam estar voltando ao normal. Poderiam reduzir as emendas parlamentares ou o gasto tributário para buscar espaço no teto. Mas, em vez disso, estão acelerando os gastos. Há uma desconstrução do arcabouço fiscal. O Brasil está colocando em xeque o teto de gastos e a Lei de Responsabilidade Fiscal. O risco fiscal é crônico no país, já que a dívida é alta e o Brasil deficitário. Esses episódios são como aquela hérnia que está sempre ali, mas que em algum momento trava a gente de andar”.

Ele sabe que o gasto vai ser ainda maior do que foi anunciado:

“E quem vai receber são os beneficiários do Bolsa Família, que serão elevados de 14 milhões para 17 milhões de famílias. Mas e os demais que estão recebendo auxílio emergencial agora? Não vão receber nada? O risco é de esses R$ 30 bilhões fora do teto virarem R$ 40 bilhões, R$ 50 bilhões no Congresso”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO