O Comentarista: Se conselho fosse bom...

Telegram

O presidente Bolsonaro tem usado bastante a caneta. Assinou 157 decretos nos primeiros 150 dias de governo, nas contas do Estadão.

Boa parte dos decretos incluiu a redução ou eliminação de conselhos. Um dos mais recentes enxugou o Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Os cortes nos conselhos têm dois efeitos. Por um lado, reduzem a participação de representantes da sociedade civil na formulação de políticas públicas. Por outro, tornam as decisões mais ágeis e aumentam a carga de responsabilidade sobre os ministros.

Exclusivo: a delação que envolve o líder do governo no Senado. Leia mais

O Comentarista mostra os principais recortes em conselhos, realizados por decretos ou portarias.

O texto continua AQUI, somente para assinantes de O Antagonista+.

Comentários

  • Nadir -

    A Damares cortou diárias e viagens de milhões de 400 conselheiros ligados à ONG, farra PT acabou: que comuniquem por vídeo conferência. E +, há 700 conselhos Sovietes na adm. pública p/ elimi

  • Olavo -

    AVANTE, Capitão!. Não olhe para trás.

  • Jalmo -

    Representantes da sociedade civil... kkkkkkkkkkkkkk... me ajuda ái pô... OEstadão está cada vez mas patético!!!

Ler 22 comentários