Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"A crise fiscal explode diante de nossos olhos"

“A crise fiscal explode diante de nossos olhos”, diz Zeina Latif.

“A reação dos mercados ao risco fiscal em alta é didática para alertar a classe política. Ajuda a conter retrocessos e equívocos, como na proposta de adiar o pagamento de precatórios para financiar o Renda Cidadã.

Porém, não se pode depender do mau humor dos mercados para avançar com a agenda fiscal. Os investidores não costumam mapear bem os riscos. Tanto é assim que se encantaram com as promessas liberais de campanha. Muitas vezes, as reviravoltas no mercado acabam ocorrendo quando o quadro já é muito grave, como em 2015. Além disso, a pressão dos mercados não faz milagre quando não há plano estruturado a entregar.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO