Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"A economia brasileira não está melhorando de verdade"

Felipe Salto escreveu no Estadão que "o Brasil está semiestagnado" e que, "sem um plano nacional coeso, permanecerá assim"
“A economia brasileira não está melhorando de verdade”
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Fernando Bezerra Coelho e outros líderes governistas precisariam ler o que Felipe Salto escreveu hoje no Estadão, ao invés de acusarem os críticos de “torcerem contra o Brasil”, quando é justamente o contrário.

“A economia brasileira não está melhorando de verdade. A alta dos preços das commodities caiu do céu como um amargo maná: esconde a precariedade do mercado de trabalho e da renda das famílias. Pior, dá vazão à sanha por aumentos de gastos não relacionados ao essencial, isto é, guarnecer as famílias que perderam emprego e renda na pandemia e pavimentar a reconstrução do País.”

O economista afirmou também:

“A Instituição Fiscal Independente (IFI) estima que o produto interno bruto (PIB) crescerá a 4,2% em 2021, podendo alcançar 5,4% no cenário otimista. Esse crescimento ocorrerá em cima da recessão de 4,1% em 2020. No biênio, mesmo com a taxa otimista, cresceremos a 0,5% ao ano, abaixo da média de 1,5% entre 2017 e 2019. O Brasil está semiestagnado. Sem um plano nacional coeso, permanecerá assim.”

O Brasil já viu esse filme, mas o alerta será ignorado de novo, porque aos bajuladores do presidente da República interessa somente se manter no poder.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO