ACESSE

A falência do Rio

Telegram

O secretário da Fazenda do Rio, Luiz Cláudio Rodrigues de Carvalho, disse ao Valor que a dívida do estado com a União é “impagável” a menos que haja uma alteração estrutural na economia fluminense.

A declaração do secretário, acrescenta a reportagem, é baseada em projeções feitas por técnicos da pasta: no fim de 2023 o endividamento bruto alcançaria R$ 170 bilhões, o equivalente a 237% da Receita Corrente Líquida.

Exclusivo: os grampos da farra de Joesley Batista com os poderosos. CONFIRA

Comentários

  • Luiz -

    O Rio acabou, é uma ilusão paisagística.

  • Getulio -

    Gasta-se demais com o Estado obeso e c/políticos. Rumemos contra a onda de descentralização, tratando de fundir estados: Riossanto; Alagagipe; Pernapara; Cearagrande; e Piranhão. Outros?

  • Márcia -

    O Rio de Janeiro precisa ser engolido pelo mar para nascer eleitores mais conscientes. Eita povinho sem noção.

Ler 101 comentários