Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A prioridade é o coronavoucher

A prioridade é o coronavoucher
Foto: EDU ANDRADE/Ascom/ME

A equipe de Paulo Guedes quer aprovar o Orçamento de 2021, a PEC Emergencial e a reforma administrativa.

A reforma tributária foi adiada.

Sem dinheiro para gastar, “uma alternativa é abrir crédito extraordinário no Orçamento deste ano para financiar programa de ajuda emergencial”, diz o Valor.

O crédito extraordinário para o coronavoucher pode ser aberto por medida provisória e está fora do teto de gasto.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO