"A situação é delicada"

“A situação é delicada”
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Técnicos da Comissão de Orçamento do Congresso avaliam a possibilidade de o governo virar o ano sem ter aprovado o Orçamento de 2021.

Nesse caso, como mostramos, o governo ficaria limitado a gastar, por mês, um doze avos do valor total previsto na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Em um caso mais extremo, os técnicos consideram a possibilidade de 2021 começar sem o Congresso aprovar uma LDO, provocando um shutdown no governo.

“É importante pensar em uma MP (medida provisória) com crédito extra para 1º de janeiro. A situação é delicada, mas, no pior dos cenários, a MP segura o governo até fevereiro, quando o Congresso volta a funcionar.”

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 10 comentários
TOPO