Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ações da XP em Nova York caem depois do anúncio de que advogados investigam seus dados contábeis

As ações da XP em Nova York caíram mais de 13% hoje, fechando a a 30,99 dólares, o menor preço desde o o IPO em dezembro.

De acordo com a Reuters, a queda se deve à divulgação da notícia de que, no interesse de investidores, um escritório de advocacia americano investiga os dados contábeis fornecidos pela XP quando abriu o seu capital na Nasdaq.

O escritório é o Rosen Law Firm. A suspeita é a de que há discrepâncias entre auditorias internas da XP e as demonstrações financeiras fornecidas aos investidores no prospecto de abertura do capital em Nova York. Essas discrepâncias foram questionadas num relatório da empresa de análise financeira Winkler Group, que afirma que “a XP demitiu seu auditor depois que ele encontrou deficiências materiais em seus relatórios financeiros”.

Depois da divulgação do relatório, outro escritório de advocacia, o Block & Leviton, anunciou que aceitava clientes que quisessem processar judicialmente a XP.

Procurada pela Reuters, a XP não comentou o assunto.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO