Advogado de Dilma no impeachment integra Conselho de Transição de Bolsonaro

O coordenador-adjunto do grupo técnico de Previdência e Assistência Social do Conselho de Transição é o procurador federal Walter Baere de Araújo Filho.

Baere colaborou como advogado na defesa de Dilma Rousseff durante o processo de impeachment e chegou a depor na condição de informante.

“Na minha opinião, os decretos eram compatíveis com a legislação vigente”, disse na ocasião, referindo-se aos três decretos de créditos suplementares assinados por Dilma sem aprovação do Congresso.

 

O que Bolsonaro vai fazer com a economia? É hora de você se informar bem AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 57 comentários
  1. tem presidente eleito que é cego. surdo e , infelizmente não mudo. fez promessas vazias. votei nelle , no segundo turno por falta de opção, mas nunca me enganei. surgiu na política como um terrro

  2. É isso mesmo? Mas vocês não deveriam estar aplaudindo a manutenção de pessoas do outro governo que fossem competentes? Se o cara é competente e honesto que fique no governo. Vocês estão errad

  3. Oh,gente apavorada! Oh Antagonistas que gostam de usar informação igual a Foice de SP!!. Isso é transição não governo. 2. Advogado é mercenário e trabalha por dinheiro e não ideologia.

  4. Calma, pessoal! A equipe de transição é formada também por pessoas que estão no atual governo. Ou não seria possível a TRANSIÇÃO de um para o outro! Entenderam? O precisamos desenhar?

  5. Infelizmente essa profissão não tem ética e nem moral. Só trabalham por $dinheiro$ e em causa que lhes tragam retorno financeiro. Nessa área não me preocupo, apenas aprendi a conviver com a raç

  6. Vamos pressionar todos para o fim do “SALARIO PRIVILEGIADO…” E seus PENDURICALHOS”… E tbm acabar c o FORO privilegiado … Como dizia M.T. não existe dinheiro publico, so dinheiro do pagador

    1. O bozominion esquerdista disfarçado já foi detectado. E a piada mais engraçada é que, apesar de todas as chicanas, o seu candidato passará esta noite preso. Hihihi.

    2. Piada é considerar transição um governo ( ou Burrice )>>E achar que advogado é profissão e não Mercenário pois trabalham por dinheiro…Se oferecer grana até a OAB vira OABolsonaro!

    1. Cornélio: Os “bozotários ou pobres de direita” como você chama, trabalharam e o nosso candidato ganhou a eleição de Presidente, quanto ao seu candidato, no momento está preso e sem perspectiva

    2. É seu Cornélio, falando em pobres. viu o último informe do IBGE? Mais 2 milhões foram para a pobreza. Agradeça ao partido corruPTo e ao assassino Lularápio e comparsas.

    3. tem que ser mais incisivo quando for falar deles… chame os de BOZOTÁRIOS ou se preferir, pobres de direita mesmo.