Ajuste fiscal não vai adiantar, diz Giannetti

O ajuste fiscal, tão defendido pelo (até aqui) ministro da Fazenda, Joaquim Levy, e tão combatido pelo PT, simplesmente não vai dar em nada. Quem garante é o economista Eduardo Giannetti. No máximo, diz ele, o acerto brecará o crescimento da dívida brasileira por cerca de um ano. Em suma, para Giannetti, o ajuste é apenas um paliativo para garantir sobrevida à atual política econômica. E só.

Faça o primeiro comentário