ACESSE

Aviação tem prejuízo diário de R$ 50 milhões com greve

Telegram

A aviação comercial brasileira registra prejuízo diário de R$ 50 milhões desde o início da greve de caminhoneiros, segundo a Abear, a associação das companhias aéreas.

Os custos, informa a Folha, envolvem cancelamentos, pousos técnicos para reabastecimento e atendimento a passageiros que deixaram de embarcar, entre outros itens.

Desde segunda, quando a greve começou, mais de de 270 voos foram cancelados “nos mais diversos aeroportos do país”, afirma a nota da associação.

A Abear reúne as quatro principais empresas de aviação brasileiras (Avianca, Azul, Gol e Latam), que respondem por 99% do transporte aéreo comercial no país.

 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 23 comentários