Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsa cai 3,28% e dólar sobe 1,33% com proposta de Auxílio Brasil fora do teto de gastos

Os investidores reagiram negativamente ao projeto do governo de bancar o programa social com valor de R$ 400 à margem das regras fiscais  
Bolsa cai 3,28% e dólar sobe 1,33% com proposta de Auxílio Brasil fora do teto de gastos
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP - 19.03.2019: Pessoas observam a movimentação do índice BOVESPA na Bolsa de Valores de São Paulo na região central da capital paulista. (Foto: Bruno Rocha /Fotoarena/Folhapress)

O dólar terminou o dia em alta de 1,33%, vendido a R$ 5,593 e a Bolsa de Valores de São Paulo (B3) fechou o pregão em queda de 3,28%, aos 110.672 pontos. Os investidores reagiram negativamente à proposta do governo de bancar o Auxílio de Brasil com valor de R$ 400 com recursos fora do teto de gastos.

Jair Bolsonaro pretendia anunciar ainda hoje a criação de um benefício temporário aos mais pobres de R$ 211, que pode ser pago entre novembro de 2021 e dezembro do próximo ano. O extra se somaria aos R$ 189 do valor médio do Bolsa Família para chegar aos R$ 400 do Auxílio Brasil. O presidente, entretanto, foi obrigado a adiar a divulgação.

O impacto negativo no mercado pesou na decisão do governo. Além disso, economistas e empresários alertam o presidente que a proposta afugentaria investidores do Brasil porque representaria uma retrocesso na gestão das contas públicas.

Na máxima do dia, o dólar chegou a R$ 5,612 e começou a ceder após o governo cancelar o anúncio do Auxílio Brasil com valor de R$ 400.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....