Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

BolsoCut

BolsoCut
Foto: Reprodução/Petrobras

O sindicalista Deyvid Bacelar, da CUT, aplaudiu a decisão de Jair Bolsonaro de demitir Roberto Castello Branco da Petrobras e de enfiar um general em seu lugar.

Ele elogiou a gestão dos militares durante a ditadura e defendeu o tabelamento dos combustíveis:

“O que nós deveríamos ter no Brasil era a definição de um preço, seja da gasolina, do diesel, do gás de cozinha, do gás natural e de todos os outros derivados, a partir de nossos custos internos, dos custos nacionais.”

Para quem não conhece Deyvid Bacelar, ele comandou a invasão de prédios da Petrobras e participou da campanha Lula Livre.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO