Caju defende os parentes

Os senadores devem votar a reabertura do programa de repatriação na próxima terça-feira.

Romero Jucá, relator do projeto e novo líder do governo no Senado, defende a adesão de parentes de políticos.

“Se algum parente tem uma atividade econômica separada do político, não há por que penalizar esse parente”, afirmou. “Acho que a Receita Federal e o Banco Central têm todas as condições de verificar a origem desses ativos.”

Faça o primeiro comentário