Com sobretaxas do governo Trump, Brasil interrompe exportação de alumínio para os EUA

Com sobretaxas do governo Trump, Brasil interrompe exportação de alumínio para os EUA
Foto: Marcos Corrêa/PR

O governo Trump anunciou em 9 de outubro novas tarifas sobre as chapas de alumínio importadas do Brasil e de outros 17 países.

Com isso, informou hoje O Globo, os embarques para os EUA foram interrompidos e o prejuízo estimado é de US$ 90,3 milhões por ano.

O governo americano adotou uma sobretaxa de 130%, acusando os exportadores de dumping.

“O Brasil está se defendendo na investigação, mas os EUA anteciparam um aumento de alíquota, ou seja, atiraram para perguntar depois. As exportações brasileiras foram suspensas”, disse ao jornal o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Alumínio, Milton Rego.

Nesta terça-feira de manhã, no Itamaraty, o conselheiro de segurança nacional Robert O’Brien, o embaixador Todd Chapman, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro Ernesto Araújo eram só sorrisos, com muitos elogios à relação próxima e amistosa entre os dois países.

Leia mais: Marco Aurélio e o caso André do Rap: confira os desdobramentos com informações exclusivas
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 43 comentários
TOPO