Desemprego irá a 12,5%

Mesmo quando a economia deixar de afundar, o número de desempregados continuará subindo. Essa é a opinião dos economistas do Banco Fibra, que preveem que a taxa média de desemprego do país cresça de 6,9% no ano passado para 12,5% em 2017.