Desemprego não aumenta nem diminui

O IBGE acaba de divulgar o índice de desemprego no trimestre finalizado em janeiro: 12,2%.

O país tem 12,7 milhões de pessoas sem emprego (!!), o que representa uma estabilidade em relação ao trimestre anterior.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Brasil Direito - #CapitãoBolsonaroPresidente disse:

    Como bem dizem muitas pessoas, alguns índices contam pessoas que recebem assistencialismos como empregadas. Então até mesmo esses dados são relativos.

Ler comentários
  1. Murilo disse:

    Mas a reforma não ia gerar milhões de empregos ?

  2. Dom disse:

    A notícia é boa porque janeiro é um mês de demissões dos temporários contratados para o Natal. Vamos ver se agora firma.

  3. Impávido Colosso disse:

    O governo já canta vitória: com Temer o desemprego não consegue ultrapassar a barreira dos 12 milhões! O Brasil está uma maravilha!

  4. Luiz Henrique disse:

    Se for a 10 por cento, regular de Temer passa de 30 por cento. Mas, acho que o importante agora é o País. Não me interessa a popularidade,mas resultados Bom sinal janeiro não ter piorado. Difícil conseguir trabalho em janeiro. Curioso para março e abril. Deve cair.

  5. CRÁPULA disse:

    E Temer se vangloria dos “informais”, sem carteira assinada, sem nenhum direito perante a lei... É UM CRÁPULA MESMO!

  6. Raul disse:

    Pessoal...Temer não é candidato. Nunca foi. Esqueçam isso. O que quer e que sua agenda...previdência e segurança...paute a eleição.Acho que deveria lançar Raul Jungmann candidato. Vai bem na seriedade.

  7. JUNGMANN, o BRUTO, só quer se livrar da LJ disse:

    Se Raul Jungmann, o BRUTO da Odebrecht apoia O TREM da Odebrecht, nenhum dos dois têm apoio da população! AMBOS SÓ QUEREM SE LIVRAR DA LAVA JATO!

  8. Estadão disse:

    O Estadão em 14 notícias 1 CENÁRIO ECONÔMICO Desemprego sobe para 12,2% e atinge 12,7 milhões de pessoas, aponta IBGE . Taxa no trimestre encerrado em janeiro subiu 0,4 ponto porcentual após atingir 11,8% no período anterior

  9. Renato disse:

    Existem dois fatos...desemprego tecnológico e construção civil ainda não decolou. Construção civil e fundamental. É o último setor a subir, em toda crise.

  10. O povo que pague a conta!! disse:

    Só faltou informar que esse o índice de desempregados aumentou (contando empregados formais) e que esse índice só se manteve graças ao trabalho informal...vulgo bico. Pra quem pregou que a reforma trabalhista era para gerar emprego, quebraram a cara....mais uma vez povo enganado. Só aumentou o lucro dos grandes empresário e a pobreza da população.

  11. Idiota disse:

    Se o índice é uma média móvel trimestral e o valor é maior do que o apurado nos últimos dois meses, isso significa que o desemprego em janeiro subiu bastante, certo?

  12. Rildo disse:

    Deve melhorar um pouco. Mas, se houvesse dinheiro para infraestrutura, bombava. Meirelles segura demais. Mas, para janeiro, e normal.

  13. Duda disse:

    Sem contar naqueles que recebem bolsa família, fazem bico, etc.. Aquela tramoia do iPTe que todos já conhecem!

  14. Marcelo disse:

    Acho que a reforma trabalhista dara bons resultados. Se Brasil.crescer mesmo 3 por cento, impossível emprego não melhorar um pouco.

  15. Juarez disse:

    Falta uma Copa do Mundo na construção civil....kkkk.setor também foi destroçado nas relações. Concordo que onde se gera mais empregos para pessoas menos qualificadas.

  16. SQN! disse:

    hahaha! " Marcelo disse: 28 de Fevereiro de 2018 às 10:36 Acho que a reforma trabalhista dara bons resultados. Se Brasil.crescer mesmo 3 por cento, impossível emprego não melhorar um pouco." Com a chegada de milhares de venezuelanos que, com certeza, venderão mão de obra mais barata COMO FAZEM OS HAITIANOS? O BRASILEIRO VAI FICAR DESEMPREGADO!

  17. Pobre País disse:

    Existem duas ideologias: 1. O mercado é um capeta e só destrói o povo. 2. O mercado é um santo e só quer o bem do povo. O PT errou usando a primeira. Esse Governo erra usando a segunda. Nas duas situações a população que se prejudica, e que é rico continua mais rico.

  18. sou eu disse:

    Porra nenhuma...tem que mudar totalmente o modo como o IBGE realiza essa pesquisa...aceita como empregado até passeador de cachorro aos fins de semana...por sinal cadê os dados de emprego do Caged em janeiro/18????

  19. Borges. disse:

    Querem puxar o tapete de Temer. “De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad), a taxa de desocupação no Brasil foi estimada em 12,6% no trimestre móvel referente aos meses de novembro de 2016 a janeiro de 2017” “índice de desemprego no Brasil atingiu 12,2% no trimestre encerrado em janeiro de 2018” Devido à sazonalidade, acho que não se deveria comparar com o trimestre anterior e sim com o mesmo do ano passado. Como podem ver, nesse caso houve um decréscimo de 0,4%. Com a imprensa, o ministério público e agora o IBGE, jogando contra o governo, “não há tatu que aguente”.

  20. marcos disse:

    NENHUM FUNCIONÁRIO PÚBLICO PERDEU EMPREGO.. ESTÃO ATÉ CONTRATANDO...

  21. Miguel Medo disse:

    "Estabilidade"... É apenas o equivalente à população da cidade de São Paulo inteira sem emprego...