Discordância sobre seguro-desemprego atrasa votação de pacote de US$ 2 trilhōes no Senado americano

Telegram

Tudo estava pronto para o Senado americano aprovar agora à noite o pacote de 2 trilhōes de dólares de salvamento da economia americana (e mundial), quando quatro senadores republicanos resolveram obstruir o fast track combinado para a votação.

O motivo é que eles querem ver discutida a parte do pacote destinada ao seguro-desemprego. Eles argumentam que a ajuda prevista para cada desempregado, maior do que muitos salários, estimulará muita gente a não procurar trabalho ou a acertar-se com o empregador para continuar a trabalhar depois de demitido, só que paga com dinheiro público.

O pacote prevê, ainda, um benefício de 1.200 dólares para adultos com renda de até 75.000 dólares ou famílias com renda de até 150.000 dólares, mais 500 dólares por criança.

Comentários

  • Noely -

    Os americanos que já saõ tão gordos , com toda esta grana vão criar nadadeiras, competir com as baleias.

  • Eduardo -

    Enquanto isso, dão US$ 600 bi para as grandes corporações, sem contrapartida ou controle sobre como o dinheiro será gasto.

  • Thales -

    Tinha que ser os canalhas do Pertido Republicano.

Ler 6 comentários