Distribuidoras de gás natural tentam barrar projeto que pode aumentar concorrência

Distribuidoras estaduais de gás natural, soube O Antagonista, se articulam para tentar romper um certo consenso em torno da aprovação de um projeto de lei em tramitação no Congresso que poderá abrir o mercado à concorrência.

Depois de boicotarem a última reunião sobre o tema coordenada pela Casa Civil, representantes das distribuidoras subiram o tom em encontro convocado pelo Ministério de Minas e Energia.

O projeto parou na Comissão de Minas e Energia da Câmara.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 23 comentários
  1. .
    OPSSSSS…
    .
    Onde moro o a Adm do Condomínio mantinha, há anos, contrato com a ‘LIQUIGAS’ (Petrobras), que com seus grandes cilindros de GLP centralizados (o mesmo dos caríssimos botijões dos pobres) abastecia as unidades. Em casa gastávamos em média R$ 140,00 mensais.
    .
    Pois bem, a CONGÁS chegou, à rua, com seu gás natural canalizado, e foi feita a troca. Resultado: NÃO GASTO MAIS do que R$ 45,00 por mês, o que mostra claramente o “CUSTO DOS CABIDES DE EMPREGO DAS ESTATAIS”.
    .
    Agora, se há mais empresas querendo entrar neste segmento é natural, mas … se forem mais quatro, por exemplo, teremos de conviver 4 vezes mais com calçadas quebradas, pistas esburacadas, trânsito interrompido? Ninguém merece.
    .
    O razoável é que para cada local haja licitação e apenas uma fique.

  2. COM CERTEZA O ANGORA NOVO MINISTRO MINAS DE ENERGIAS NEGATIVAS NEGOCIARÁ UMA BOLA BACANA E NÃO PERMITIRÁ A CONCORRÊNCIA….ISTO É, SE DEIXARMOS!!! O CARA SACA MAIS DE MINAS E ENERGIA DO QUE DILMA! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  3. COM CERTEZA O ANGORA NOVO MINISTRO MINAS DE ENERGIAS NEGATIVAS NEGOCIARÁ UMA BOLA BACANA E NÃO PERMITIRÁ A CONCORRÊNCIA….ISTO É, SE DEIXARMOS!!! O CARA SACA MAIS DE MINAS E ENERGIA DO QUE DILMA! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  4. República brasileira: 129 anos privilegiando apenas os ricos e deixando os pobres a mercê de reservas de mercados promovidas pelo Estado de Direito dos filhos da puta!

  5. Não basta privatizar, tem que ter Concorrentes! Concorrentes! Concorrentes! Só assim os serviços melhoram e barateam. É assim nos país ricos onde as diferenças sociais não são tão grandes e todos saem ganhando. Ganhando um pouco menos as empresas não têm dinheiro para pagar propinas.

  6. Antagonistas, definam, por favor, o que significa que os representantes das distribuidoras ” subiram o tom” no encontro convocado pelo MME? Quem são esses representantes? Como eles podem “subir o tom”? Que tipo de ameaça fazem? Obrigado.

  7. Fico imaginando o que é esse “subiram o tom”.
    Seria….
    “Ameaçaram não nomear apadrinhados?”
    “Ameaçaram lacrar certos propinodutos?”
    O que será que será?

  8. Mais um motivo para abrir o mercado para aumentar a concorrência. O Ministério das Minas e Energia existe para as distribuidoras, ou para o povo? Em que condições o povo terá melhores preços e maior qualidade?

  9. Livre concorrência, princípio básico e honesto do PRÓSPERO CAPITALISMO.
    O que foge disso é pernicioso e tem fundo criminoso de exploração do povo com aval das leis e do Estado. Está mais para o comunismo/socialismo. O Brasil está abarrotado disto, e esse é um dos motivos que não somos uma grande Nação
    FORA COM ESSA GENTE DE PROCEDER MALIGNO
    BOLSONARO PRESIDENTE 2018

  10. A Baía de Paranaguá tem gás suficiente pra mandar o Evo Imorales catar coquinhA no mato pelo resto da porca da vidinha dele.
    .
    E pode enfiar a refinaria roubada no gasoduto roxinho do Maduro

  11. Essa promiscuidade corrupta entre politicos e nossos “capitalistas” é que nos condenam ao subdesenvolvimento. Por isso que tem que privatizar tudo e abrir geral os mercados, como defende o economista Paulo Guedes.
    VIVA BOLSONARO 2018!!@

  12. Além do gás, é preciso desbaratar a máfia da Transpetro que comercializa a venda de diesel para embarcações no RJ e que rende milhões de reais todos os meses aos bandidos dentro da estatal. Há muitos desvios e um oficial da Marinha que tentou denunciar o esquema foi assassinado há alguns anos.