Dólar fecha a R$ 4,21 e bate novo recorde

O dólar alcançou nesta segunda-feira o maior valor nominal de fechamento da história.

A moeda americana fechou o dia em alta de 0,53%, cotada a R$ 4,215, superando o recorde nominal anterior, de segunda-feira passada.

Além da guerra comercial entre Estados Unidos e China, contribuiu para esse resultado o déficit de US$ 7,874 bilhões nas transações correntes do Brasil em outubro (o BC projetava US$ 5,8 bilhões).

Comentários

  • Cicero -

    Estou muito decepcionado!achava que o problema do dólar alto era a Dilma.Desse jeito não poderei ir à disney,vamos bater panelas o dobro do que foi batido no impeachment,que o Dólar baixa a 2 reai

  • Fernando -

    Paulo Guedes tem feito o que é possível. O que não ajuda é o presidente e seus filhotes, todos sem noção.

  • Lourdes -

    Vamos ter calma gente. Dólar e bolsa é um sobe e desce!

Ler 31 comentários