Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Guedes: "É claro que vai haver desaceleração forte, porque os juros estão subindo"

Em evento nesta sexta-feira, o ministro da Economia admitiu pela primeira vez que a atividade econômica vai perder força em 2022
Guedes: “É claro que vai haver desaceleração forte, porque os juros estão subindo”
Reprodução/ENAIQ 2021

Paulo Guedes (foto) admitiu pela primeira vez que a economia brasileira terá “desaceleração forte” no próximo ano. Segundo o ministro, a alta de juros reduzirá o nível da atividade produtiva.

As afirmações foram feitas durante um evento da indústria química na manhã desta sexta-feira (2).

“A Faria Lima, os banqueiros estão prevendo crescimento menor. É natural, é do ângulo de visão de financistas. É claro que vai haver desaceleração forte, porque os juros estão subindo. A inflação subiu. De novo, estamos fazendo a coisa certa. O importante não é a previsão, é fazer a coisa certa”, disse.

Guedes criticou o que chamou de “previsões catastróficas” para a economia brasileira.

“Esse descredenciamento das previsões catastróficas é basicamente o que estou fazendo. Não significa que [o governo Bolsonaro] é o melhor governo do mundo, mas também não é tão ruim quanto estão dizendo. Continuem perseverando, resilientes, porque o Brasil vai crescer. Pode até crescer menos durante o combate à inflação, mas vamos sair desse buraco. O Brasil não está mais no caminho da miséria, da Venezuela, da Argentina, estamos no caminho da prosperidade”, acrescentou.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....