Estado de choque

Os prefeitos recém-empossados de Nova Iguaçu, São Gonçalo e Mesquita, na região metropolitana do Rio, decretaram estado de calamidade financeira.

Entre os problemas, estão salários atrasados, cortes no fornecimento de energia de prédios públicos e paralisação de serviços terceirizados por falta de pagamento.