FMI confirma suspensão de ajuda à Argentina

Em entrevista à rádio da agência Bloomberg, o diretor-gerente interino do FMI, David Lipton, afirmou que o fundo poderá suspender o programa de ajuda financeira à Argentina, registra a Folha.

Lipton afirmou que a suspensão se deve às incertezas políticas e econômicas que o país atravessa: “A situação da Argentina agora é extremamente complexa”.

O país havia fechado um acordo de ajuda financeira de US$ 56 bilhões com o FMI em 2018.

No mês passado, no entanto, a declaração de moratória do governo de Mauricio Macri –ainda que envolvendo apenas dívida local, sem afetar o contrato com o fundo– colocou a ajuda financeira do FMI em risco.

 

Comentários

  • André -

    Está oficializada a Venezuelização da Argentina.

  • Ronaldo -

    Os argentinos a caminha de uma Venezuela, porque se o FMI não liberar mais recursos, vão afundar de vez, com essa esquerda vencendo, tudo ficara mais dificil de liberar, se prepare, para dias piores

  • Bira -

    Acho interessante esse pessoal que vive falando da Venezuela. O Brasil passa por um caos econômico, a maioria do povo está f udida e esses bolsominions não se tocam.

Ler 28 comentários