Fuja da Petrobras

Os números da Petrobras são falsos, porque excluem as perdas reveladas pela Lava Jato. Perdas que continuam a aumentar. Ontem, por exemplo, mais dez empreiteiras foram denunciadas pelo Ministério Público. 

Embora os números da Petrobras sejam falsos, eles são ruins o bastante para que os acionistas exijam imediatamente a demissão de sua presidente: 

1) O lucro caiu 38% de um ano para o outro, de R$ 4,959 bilhões para R$ 3,087 bilhões.

2) A dívida em setembro bateu em R$ 331 bilhões.

3) O indicador dívida/Ebitda subiu de 3,92 no segundo trimestre para 4,63 no terceiro. Quase o dobro do que está previsto no Plano de Negócios da estatal.

Um conselho? Fuja.