Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Gasolina é vilã da inflação e sobe 47,49% em 2021

Segundo os dados do IBGE, somente o etanol teve alta de 62,23% ao longo do ano passado; o valor dos combustíveis encareceu 49,02%
Gasolina é vilã da inflação e sobe 47,49% em 2021
Foto: Roberto Parizotti/Fotos Públicas

Dos 10,06 pontos percentuais da inflação em 2021, 4,19 tiveram origem no aumento de preços dos transportes, segundo dados divulgados há pouco pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Somente esse grupo teve alta de 21,03% no ano passado, afetado principalmente pelo encarecimento de 49,02% dos combustíveis. A gasolina foi o item com maior peso no IPCA e subiu 47,49%. O etanol encareceu 62,23% no ano passado.

“O grupo dos transportes foi afetado principalmente pelos combustíveis. Com os sucessivos reajustes nas bombas, a gasolina acumulou alta de 47,49% em 2021. Já o etanol subiu 62,23% e foi influenciado também pela produção de açúcar”, afirmou Pedro Kislanov, gerente do IPCA.

O resultado do grupo transportes também foi impactado pela alta dos automóveis novos (16,16%)usados (15,05%).

“Esse aumento se explica pelo desarranjo na cadeia produtiva do setor automotivo. Houve uma retomada na demanda global que a oferta não conseguiu suprir, ocorrendo, por exemplo, atrasos nas entregas de peças e, as vezes do próprio automóvel”, disse Kislanov.

Os preços das passagens aéreas registraram alta de 17,59% e dos transportes por aplicativo, 33,75%.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....