Henrique Meirelles aceita

Joaquim Levy será substituído por Henrique Meirelles.

Diz o Valor:

“Caberia a Meirelles implantar o modelo de política econômica defendido abertamente por Lula, que implica a retomada do crédito com aumento do consumo interno e a liberação de empréstimos internacionais para os Estados”.

Um líder do PT declarou:

“Para conter o impeachment de vez, precisamos reverter o quadro de deterioração econômica. Se a crise econômica agravar-se, Dilma vai cair não pelo Congresso, mas pelo clamor das ruas”.

A reportagem informa que, nas últimas semanas, emissários de Lula sondaram nomes para a sucessão de Joaquim Levy:

“O perfil procurado era o de um empresário notório, cujo nome tivesse aceitação instantânea pelo mercado”.

Ninguém aceitou.

Só sobrou, então, Henrique Meirelles, que aceita qualquer coisa.