Indústria automotiva corta 10% de funcionários

A indústria automotiva demitiu 10,2% de seu quadro de funcionários nos últimos 12 meses diante do tombo na produção. O número de trabalhadores em fábricas de veículos e máquinas agrícolas caiu de 144.163 em janeiro de 2015 para 129.776 no mês passado. Um reflexo do aumento do desemprego, pressão sobre os salários e dificuldade em obtenção de crédito. É mais uma notícia péssima para a economia brasileira, uma vez que o setor automotivo representa 23% do PIB industrial.