Indústria paulista no chão

A atividade da indústria de São Paulo despencou 6,1% no ano passado. O resultado é o segundo pior da história – perdendo apenas para a crise de 2009. As fábricas do setor automotivo lideraram as perdas e o pior ainda não passou: a Fiesp projeta tombo de mais 5,3% neste ano.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200