Inflação alta é culpa do BC

Inflação na meta depende 10% de modelos matemáticos e 90% de comunicação. E é justamente nessa parte que o Banco Central vem falhando. Pelo menos é o que pensa o ex-diretor do BC Carlos Thadeu de Freitas, que, em entrevista a O Financista, aponta uma série de erros nos discursos e comunicados recentes que impedem a ancoragem das expectativas de inflação e, por consequência, do indicador em si. Isso inclui o polêmico comentário de Alexandre Tombini sobre o documento do FMI e a mudança de rumo nos juros após reunião com Dilma Rousseff.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200