ACESSE

Justiça condena 7 ex-diretores do banco que era de Silvio Santos

Telegram

A Justiça Federal de São Paulo condenou sete ex-diretores do Banco Panamericano denunciados pelo MPF por gestão fraudulenta e crimes contra o sistema financeiro nacional, registra O Globo.

Segundo a decisão, os crimes ocorreram entre 2007 e 2010, “causando prejuízo significativo ao banco, a investidores e sócios minoritários, além do colocar em risco o funcionamento e a credibilidade do Sistema Financeiro Nacional”.

A maior pena coube ao ex-diretor financeiro do Panamericano, Wilson Roberto de Aro, condenado a 12 anos e 6 meses de prisão.

Não custa lembrar que, depois do rombo bilionário, Silvio Santos vendeu o banco à Caixa, com uma ajudinha dos amigões Lula e Guido Mantega.

 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 43 comentários