Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Com inflação galopante, brasileiros trocam o gás pela lenha

Segundo a Empresa de Pesquisa Energética, o uso do item em residências aumentou 1,8% no ano passado, na comparação com 2019
Com inflação galopante, brasileiros trocam o gás pela lenha
Foto: José Cruz/Agência Brasil

O uso de lenha já ocupa o 2º lugar entre as principais fontes de energia nas casas dos brasileiros, com 26,1% de participação, somente atrás da energia elétrica. O “gás de cozinha”, GLP (gás liquefeito de petróleo), aparece em seguida, com 24,4%, segundo a Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

A lenha ganhou espaço em meio aos reajustes no preço do gás de cozinha. De acordo com o levantamento, em 2020, o uso do item em residências aumentou 1,8%, na comparação com 2019. 

A lenha ultrapassou o GLP nas cozinhas do país a partir de 2017, quando começou a disparada do valor do gás. O fato ocorreu depois que a Petrobras mudou a política de preços. Como mostramos, na última sexta-feira (8), a estatal anunciou reajuste de mais de 7% no preço da gasolina e do gás de cozinha.

Mais notícias
TOPO