ACESSE

Marinho, sobre exclusão de mais velhos no Verde Amarelo: "Cada renúncia precisa de uma compensação"

Telegram

Rogério Marinho, secretário de Previdência e Trabalho, explicou que a exclusão das pessoas com mais de 55 anos do Programa Verde Amarelo foi necessária por motivos fiscais.

O custo da desoneração da folha de pagamento dos jovens no programa deve gerar R$ 10 bilhões em custos ao governo em cinco anos. Em contrapartida, o governo seria compensado com R$ 12 bilhões, por mudanças no seguro desemprego.

Se incluídos os mais velhos, o valor subiria, e o governo não conseguiria compensar os gastos.

“O governo tem a preocupação social, mas com responsabilidade fiscal. A ideia era abranger pessoas com mais de 55 anos, pobres, porque é uma necessidade atual. Por isso pensamos em incluir. Mas quando fizemos os cálculos das alíquotas — para cada renúncia é necessária uma compensação –, tivemos de escolher um dentre os grupos. E pensamos que manter o público jovem seria melhor.”

SUPREMO ESCÁRNIO! Mais aqui

Comentários

  • Luiz -

    Os jovens já são favorecidos pela idade e mais com desoneração da folha estão sepultando os mais experientes. Isto é uma covardia. É melhor deixar como está então.

  • Adriana -

    Foi muito pior! Sem falar no vexame de anunciar sem fazer as contas antes! E eu sou pró-Bolsonaro. Mas essa foi de lascar!! Parece até boicote!

  • Adriana -

    Então não fizesse para os mais novos, pois agravará a situação dos mais velhos! Bolsonaro reveja isso pois detonará seus votos, além de torná-lo injusto!! Aposentadoria mais sem empregabilidade?!

Ler 41 comentários