Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Menos PIB, mais inflação

Itaú e XP publicaram novos relatórios prevendo uma piora do crescimento do PIB e um aumento do IPCA
Menos PIB, mais inflação
Reprodução

Paulo Guedes vende otimismo com a economia para se manter no cargo. O Itaú prefere se ater aos fatos para não perder dinheiro. Entre um e outro, fique com o Itaú. O banco, que estima um crescimento do PIB em 2022 de apenas 0,5%, ontem alertou que o resultado de 2021 pode ser pior do que o previsto:

“A queda das vendas no varejo em agosto e a continuidade do movimento de declínio da indústria sustentam nosso cenário de relativa estagnação da economia nacional no segundo semestre do ano (…). O único motor do crescimento econômico é a normalização do setor de serviços. Quando essa normalização estiver concluída, o PIB deve se estabilizar”.

A XP Investimentos também revisou seus números. A previsão para o IPCA em 2021 subiu de 8,4% para 9%. E, em 2022, de 3,7% para 3.9%.

Mais notícias
TOPO