CPMF: dane-se o governo

Zé Geraldo defende que, para o governo, quanto mais tempo, melhor. Mas isso não se aplica à CPMF.

O Globo informa que, no cálculo mais recente, a recriação do tributo arrecadaria R$ 24,05 bilhões em 2016. No entanto, se o governo demorar a aprová-la, a arrecadação pode cair a apenas R$ 1,8 bilhão.

Dane-se o governo: a CPMF não pode passar.

Faça o primeiro comentário