Não faz sentido

Fabio Giambiagi, um dos maiores especialistas em contas públicas do país, define de modo simples o significado da proposta orçamentária enviada ao Congresso: o governo abriu mão de governar. Ao empurrar para deputados e senadores a tarefa de tapar o rombo de R$ 30,5 bilhões previsto para 2016, a presidente Dilma Rousseff age como se vivêssemos um parlamentarismo. “Não faz sentido o Executivo se abster de encontrar uma solução”, diz o economista.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200