O autoengano bolsonarista

O autoengano bolsonarista
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Jair Bolsonaro deve acabar prorrogando o coronavoucher em 2021.

Diz Rogério Werneck:

“O governo não sabe ainda de onde virão os recursos que, sem violar o teto de gastos, financiarão o novo programa (…).

É bem possível que a tranquilidade do Planalto advenha da percepção de que, em último caso, o governo pode simplesmente prorrogar o estado de calamidade e, com isso, abrir espaço para que o Auxílio Emergencial continue a ser pago, com recursos extrateto, em 2021 (…).

Só com muito autoengano poderia alguém achar que tal prorrogação não seria percebida como canhestro rompimento do teto.”

Leia mais: Marco Aurélio e o caso André do Rap: confira os desdobramentos com informações exclusivas
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 24 comentários
TOPO