O comitê, o comissário e a empulhação

Dilma Rousseff humilhou Nelson Barbosa no seu primeiro dia como ministro do Planejamento. Joaquim Levy fez um discurso pífio na sua posse como ministro da Fazenda. Para tentar consertar o estrago perante o mercado, o governo inventou um corte de gastos simbólico e instituirá um comitê de avaliação do gasto público para balizar cortes orçamentários futuros. Quem inventa comitê inventa comissário. E o comissário será Dilma Rousseff, evidentemente, representada por Aloizio Mercadante. Boa forma de resgatar a credibilidade. Os investidores não precisam formar comitês para debandar de um país com um governo corrupto e perdulário. Joaquim Levy e Nelson Barbosa concordaram com a criação do comitê. Serão coadjuvantes na empulhação.