O irrazoável conteúdo local

De saída do posto de diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo, Magda Chambriard disse ao Estadão que desde 2009 vinha avisando o Planalto — a Lula e a Dilma, portanto — que política de conteúdo nacional do setor não era razoável e que não seria cumprida pelas empresas:

“Não foi a ANP que disse que poderia contratar tudo no Brasil. Ao contrário, dissemos (ao governo) desde o primeiro momento que não seria possível.”

Só faltou ela explicar por que o conteúdo local era tão interessante para os petistas.

Faça o primeiro comentário