ACESSE

O rato que ruge

Telegram

Sobre a fusão de Boeing e Embraer, noticia-se mais uma vez que a produção de aviões militares da empresa brasileira ficou fora do negócio, porque o governo temia que os americanos tivessem acesso a informações tecnológicas sensíveis para a segurança nacional.

É divertido.

Comentários

  • Fabiana -

    Qnt pior fk melhor né Antagonista....

  • Poisé -

    Por isso as ações despencaram. Os americanos não gostaram no negócio e estão vendendo tudo. Porque o govêrno brasileiro assumiu o controle da EMBRAER por meio das ações golden share, na figura do BNDES.

  • Roque -

    O que acontece é que o super tucano esta concorrendo por um grande contrato com a força aérea dos USA, ele pode fazer missões em guerra assimetria que são executadas pelo A10. O A10 custa 15 mil dólares por hora de voo, e o Super Tucano 500 dolores, e tem se saido muito bem no Afeganistão e Iraque

Ler 57 comentários