Os motivos do Copom (3)

O último motivo é manjado: a inflação realmente recuou em ritmo mais forte que o esperado. E o mais importante: as expectativas de inflação para 2017, 2018 e depois estão ao redor da meta de 4,5%.