“Para criar emprego bom, primeiro você precisa criar emprego ruim”

José Márcio Camargo, conselheiro de Henrique Meirelles, prometeu 10 milhões de empregos.

Os outros candidatos deveriam ler sua entrevista para o Estadão:

“Vamos gerar 10 milhões de ocupações, não necessariamente empregos formais. No Brasil, é comum as pessoas acharem que, para criar emprego bom, é preciso proibir a geração de emprego ruim. A Ásia já mostrou que é exatamente o contrário: para criar emprego bom, primeiro você precisa criar emprego ruim. E depois esse emprego se transforma num emprego bom.”

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 23 comentários
  1. Bolsonaro já cantou a pedra ao dizer que tem que flexibilizar as leis trabalhistas e as leis das empresas. A diferença é que ele não promete X milhções de empregos, mas medidas efetivas.

  2. Nisto Meireles parecia bom, contou os vendedores de pastel qdo ministro do Lula… Hj em dia, com 27 milhões de desempregados, 10 milhões vendem pastel… Pro FMI só existe emprego bom… piada rui

  3. Quem cria emprego não é o presidente ou o Estado. É o setor privado. Quer diminuir o desemprego, reduz impostos. Simples. Trump fez isso e os EUA batem recorde de criação de emprego.

  4. O problema é que NEM 1/10 desses EMPREGOS RUINS Meirelles conseguiu criar estando 2,5 a frente do ministerio. E só descobriu agora a solução? CREDIBILIDADE ZERO de quem foi de Lula, de Temer e da

  5. lá vem…o brasileiro, pegas as coisa q convém do exterior, c/o o tal Renan Cagalheiros, c/ o Parlamentarismo adaptado a realidade brasileira, i.e., ao ‘toma lá, da cá’. Basta destes msm, no Con

  6. PSDB aprende com o MDB a vida real do brasileiro!Parabéns Meirelles,seria o sonho ver você no segundo turno.O Xuxu ! MDB e Ponte do futuro o melhor projeto para o Brasil ,sem mimimi do FHC e PSDB

  7. Na cabeça desses biliardários, emprego com carteira assinada e remunerado com um salário-mínimo é emprego bom. Emprego ruim é vender pipoca no BRT. Vale tudo nas estatísticas dessa turma.

    1. ele fala que criou 10.000.000 de postos de trabalhos com carteira assinada e contribuição ao INSS durante os anos dourados do lulismo. Não fala em que país.