Para ex-BC, Lula não salvará Dilma

Com ou sem Lula no ministério de Dilma Rousseff, o Brasil terminará o ano com um novo governo. A avaliação foi feita por Luiz Fernando Figueiredo, diretor de Política Monetária do Banco Central entre 1999 e 2003, e fundador da Mauá Capital, em entrevista a O Financista. Para Figueiredo, cuja empresa gerencia uma carteira de investimentos de R$ 2 bilhões, mesmo com toda a turbulência atual, “a tendência de antecipação da saída desse governo não mudou”.

Faça o primeiro comentário