ACESSE

"Parece que a Constituição não vale para a equipe econômica"

Telegram

Às vésperas da volta do recesso parlamentar, Guilherme Afif, presidente do Sebrae, elevou o tom em defesa da derrubada do veto de Michel Temer ao Refis para micro e pequenos empresários.

“Parece que a Constituição não vale para a equipe econômica do governo federal. Uma vez que o Refis já foi concedido às grandes corporações, o mínimo aceitável é um tratamento isonômico, estendendo o benefício às micro e pequenas empresas, sendo que estas, sim, têm direito a um tratamento diferenciado”, disse ele.

O Sebrae contratou o escritório do ex-presidente do STF Carlos Ayres Britto para elaborar um parecer sobre o assunto.

O documento com mais de 60 páginas (AQUI a íntegra), ao qual O Antagonista teve acesso, diz que o parcelamento das dívidas, com condições mais favoráveis, para os pequenos negócios está garantido pela Constituição.

Comentários

  • LEONARDO -

    O MICO DO AFFIF A pergunta que fica pelas instituições representativas do segmento econômico, é porque tanta movimentação, tantos apelos, tantas viagens e tantas reuniões provocadas por Afif Domingues presidente do Sebrae com os representantes do segmento, inclusive com congressistas do parlamento, se o proposito é inconstitucional. Dentre o “mundo” de assessores que compõe o Sebrae, não teve nenhum especialista que alertasse sobre a irregularidade da proposta? E quem paga a conta?

  • O -

    👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏 "Tão em fazendo de otário, mas eu não sou. disse: 31 de janeiro de 2018 às 13:44 Sim… Refis para grandes e pequenos sonegadores. Por que não um Refis para o assalariado, que está soterrado debaixo de tantos impostos, cujo montante lhe são confiscados antes mesmo de receber seu salário, fruto de seu trabalho, chegue às suas mãos, e são continuam a ser extorquidos até o ultimo centavo gasto. Esse Afif é um safado. E ainda vai gastar o dinheiro público, que banca o SEBRAE e os picaretas que mandam nele (como o próprio), pra contratar advogados para atuarem contra o governo, que lhes transfere parte dos recursos roubados dos cidadãos. Deveria ser demitido imediatamente"

  • Eduardo -

    Ah... claro, pagando pelo parecer o cara vai dizer que a Constiuição assegura até o direito do pilantra sonegar sem ser incomodado. Afunda Brasil!!

Ler 10 comentários