Jair Bolsonaro custa mais caro do que a gasolina

Jair Bolsonaro custa mais caro do que a gasolina
Foto: Roberto Parizotti/Fotos Públicas

A Petrobras anunciou outro reajuste nos preços dos combustíveis, a partir de amanhã.  É o sexto aumento no ano. A gasolina subirá para 2,84 reais nas refinarias (alta de 9%). Desde janeiro, o aumento foi de 54,3%. Em relação ao diesel, o preço passou a 2,86 reais nas refinarias (alta de 5,5%), no quinto reajuste do ano. No acumulado, o aumento em 2021 chega a 41,5%.

De acordo com a empresa, “o alinhamento dos preços ao mercado internacional é fundamental para garantir que o mercado brasileiro siga sendo suprido, sem riscos de desabastecimento, pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros refinadores, além da Petrobras”.

Pois é, ao intervir na Petrobras, Jair Bolsonaro só fez a empresa perder valor de mercado e o Brasil, credibilidade junto aos investidores estrangeiros.

Bolsonaro custa mais caro do que a gasolina.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO