Plano de Lula para a economia é um “tiro pela culatra”

Resgatar a política de crédito para reativar a economia, a nova bandeira defendida por Lula com Henrique Meirelles e explorada por Guido Mantega entre 2006 e 2014, será um “tiro pela culatra” caso preceda o ajuste fiscal. A visão é do economista-chefe do Deutsche Bank no Brasil, Jose Carlos Faria.

Faça o primeiro comentário